Poema dedicado à amizade

Standard

chaplin o garoto

O garoto (The Kid, dir. Charles Chaplin, 1921)

Dividir

Quero saber dos seus mistérios
e somente arrancar sorrisos
desses olhos por vezes sérios,
tristes, sóbrios e contemplativos.
Da vida, precoces sentidos
que aqui, por nós, queremos e
dividimos.

Quero explorar a intimidade.
Compartilhar o vivido e divorciar o sofrido.
Entrelaçar carinhos bobos, solícitos.
Aclamar leituras, sons e versos polidos.
Para fazer-te bem, paz e amigo.
A vida, que de novo, insisto e repito
dividimos.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s