Poema para antes de o holofote cegar

Standard
Leah Yerpe

Corpo em movimento. Arte de Leah Yerp

 

Fascinado

Seu movimento é encurvado
Forma de bicho e braço largo.
És gracioso, simples, aventurado.
Cada passo seu, um fascinado.
Tem rosto e nariz de gente.
Olhos úmidos e só sorrisos.
Tronco de molas, zero de costelas.
Vida de saltos e mais equilíbrios.
Seu trabalho é palco e coletivo.
Ritmado e em intercalados solos.
O suor por música batido.
Tem fim arte nos aplausos e grito.

Poema para dançar em tempos de falta

Standard

amores expresso montagem

Foto montagem com imagens do filme "Amores Expressos", 1994

Linha imaginada

Hoje acordei com preguiça e cocei a vista.
Uma luz atrevida brincava em meu rosto.
Cantarolava baixinho e me dizia ser dia.

Hoje acordei num desconforto meio torto.
Lembrei de ter você dormindo ao lado.
Que às vezes acordava e me sorria pouco.

Hoje acordei em lamentos nesta lembrança.
Da criança que desenha a linha e me cansa.
Linha imaginada por nós dois amargurada.

Agora deslizo no espaço vazio e me vejo tenso.
Lá se foi do meu corpo mais um fragmento.
Emoção tão latejante! Fez-me lembrar a dança.